OLHARES SOBRE OS GESTORES DA REDE ESTADUAL DE ENSINO DE UBERLÂNDIA/MG

  • Wender Faleiro Grupo de Estudos, Pesquisa e Extensão em Ensino de Ciências e Formação de Professores – GEPEEC. Docente do Programa de Pós-Graduação da Faculdade de Educação-Universidade Federal de Goiás/Regional Catalão - Campus I Av. Dr. Lamartine Pinto de Avelar, 1120. Setor Universitário - CEP 75704-020 – Catalão - GO. E-mail: wender.faleiro@gmail.com http://orcid.org/0000-0001-6419-296X
  • Roberto Valdes Puentes Docente do Programa de Pós-Graduação da Faculdade de Educação-Universidade Federal de Uberlândia.
Palavras-chave: Gestão escolar. Perfil. Ensino Médio.

Resumo

O presente estudo objetiva conhecer os gestores do Ensino Médio de escolas públicas de Uberlândia/MG, e compreender como gerem as atividades pedagógicas do ambiente escolar. A pesquisa é quanti-qualitativa, e utilizou questionários para entrevistar os gestores das sete escolas selecionadas para o presente estudo. Ao menos um gestor (diretor, vice e/ou supervisor pedagógico) respondeu ao questionário, totalizando 20 gestores, desses a grande maioria foi do sexo feminine, brancos(as), casados(as) e com idade entre 30 a 50 anos.Quando ao grau de instrução todos possuem nível superior de ensino, e 75% concluíram seus estudos em uma Instituição de Ensino Superior (IES) pública, 73,7% fizeram pós-graduação latu-sensu, e nenhum realizou pós-graduação stricto-sensu. Todos os gestores das escolas pesquisadas disseram sentir-se preparados para exercerem o cargo que ocupam, e a maioria (55%) disse que obteve essa preparação na Escola, 25% na Superintendência Estadual de Educação e apenas 20% na Universidade. A gestão necessita ser de fato democrática, investindo na prática de atividades coletivas, colaborativas, de pesquisa e de formação de todos os atores educacionais. Aos gestores falta a liderança das equipes, e criar condições adequadas e estimular a efetivação do Projeto político-pedagógico e do respectivo currículo. Observou-se em todas as escolas, falta de zelo e dedicação na elaboração do PPP e controvérsias existentes ao longo dos documentos.

Biografia do Autor

Wender Faleiro, Grupo de Estudos, Pesquisa e Extensão em Ensino de Ciências e Formação de Professores – GEPEEC. Docente do Programa de Pós-Graduação da Faculdade de Educação-Universidade Federal de Goiás/Regional Catalão - Campus I Av. Dr. Lamartine Pinto de Avelar, 1120. Setor Universitário - CEP 75704-020 – Catalão - GO. E-mail: wender.faleiro@gmail.com
Possui licenciatura e bacharelado em Ciências Biológicas, licenciatura em Pedagogia pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU); mestrado em Ecologia e Conservação de Recursos Naturais, com dissertação na área de Ecologia Vegetal. Doutorado em Educação na área de Práticas e saberes pela UFU (Enfase no Ensino Médio público). Tem experiência de quatro anos na Educação Básica (Foi Professor concursado do Estado de 2006 a 2010). Foi Coordenador do Curso de Ciências Biológicas da Universidade Presidente Antônio Carlos, campus Araguari; e de 2006-2013 foi docente nessa IES. Atualmente é Professor Adjunto da Universidade Federal de Goiás - Regional Catalão atuando na Licenciatura em Educação do Campo - habilitação em Ciências da Natureza e no Programa de Pós-Graduação em Educação. Líder do Grupo de Estudos, Pesquisa e Extensão em Ensino de Ciências e Formação de Professores - GEPEEC/UFG; Vice-líder do NEPCampo /UFG e Coordenador de TCC do curso de Pedagogia; Membro NDE - Educação do Campo habilitação em Ciências Naturais. Professor - Pesquisador no Programa de Formação Continuada de Professores CEPAE/UFU. e-mail: wender.faleiro@gmail.com / wender.faleiro@ufg.br
Publicado
2019-05-02
Como Citar
FaleiroW.; PuentesR. V. OLHARES SOBRE OS GESTORES DA REDE ESTADUAL DE ENSINO DE UBERLÂNDIA/MG. Olhar de Professor, v. 20, n. 2, p. 2016-227, 2 maio 2019.
Seção
20(2)