Seguindo um chargista em tempos de pandemia e recrutando aliados para a educação científica

Main Article Content

Alexsandro Luiz dos Reis
Fábio Augusto Rodrigues e Silva
http://orcid.org/0000-0003-1245-2648

Resumo

O presente trabalho apresenta o gênero charge como uma possibilidade de recurso didático para abordar a COVID-19 no ensino de Ciências. Amparados na Teoria Ator-Rede, que leva em consideração a associação de humanos e não humanos para a produção dos fatos científicos, analisamos charges de um mesmo ilustrador, que foram publicadas em um portal de notícias de grande circulação. Procuramos evidenciar as interações entre as entidades humanas e não humanas presentes nas ilustrações e refletir acerca de suas performances enquanto produtos de interpretações sobre o mundo. Defendemos a utilização das charges como móveis mutáveis, que trazem elementos, no intuito de guiar para outro olhar na educação científica sobre as realidades construídas a partir da pandemia atual. Ademais, acreditamos que as charges possam proporcionar aos alunos a mobilização de um pensamento crítico e reflexivo, o qual poderia emergir em uma rede heterogênea de actantes.

Metrics

Carregando Métricas ...

Article Details

Como Citar
LUIZ DOS REIS, A.; AUGUSTO RODRIGUES E SILVA, F. Seguindo um chargista em tempos de pandemia e recrutando aliados para a educação científica. Olhar de Professor, v. 24, p. 1-12, 10 abr. 2021.
Seção
Caderno Temático: Covid 19 - Educação em tempo de Pandemia (Volume 2)
Biografia do Autor

Alexsandro Luiz dos Reis, Universidade Federal de Ouro Preto - UFOP

Mestre em Ensino de Ciências. Universidade Federal de Ouro Preto – UFOP.

Fábio Augusto Rodrigues e Silva, Universidade Federal de Ouro Preto - UFOP

Doutor em Educação.  Universidade Federal de Ouro Preto - UFOP, Departamento de Biodiversidade,  Evolução e Meio Ambiente – DEBIO.