Regionalismo e Integração Regional na América do Sul: uma discussão sobre as dificuldades e divergências ideológicas (2000-2016)

Autores

  • Higor Ferreira Brigola Unicamp

Palavras-chave:

Iniciativas regionais, Região, Antagonismo

Resumo

Este artigo analisa a integração regional na América do Sul e discute as principais dificuldades e obstáculos até 2016. No decorrer dos anos 2000, com a chamada Onda Rosa, ocorreu a ascensão de diversos governos de esquerda e centro-esquerda na região, os quais se dedicaram a formalização de iniciativas de integração regional para projetar a América do Sul como um polo de poder no cenário internacional. Contudo, essas iniciativas não eram homogêneas no tocante aos seus aspectos ideológicos, gerando certos contrastes entre as mesmas. Ainda com o declínio dos governos de esquerda e centro-esquerda na região, no período entre 2011 e 2016, as iniciativas se enfraquecerem gradativamente, ocorrendo um revés na integração regional no subcontinente.

Downloads

Publicado

2022-03-29

Como Citar

FERREIRA BRIGOLA, H. Regionalismo e Integração Regional na América do Sul: uma discussão sobre as dificuldades e divergências ideológicas (2000-2016). Terr@ Plural, [S. l.], v. 16, p. 1–17, 2022. Disponível em: https://revistas2.uepg.br/index.php/tp/article/view/19652. Acesso em: 29 maio. 2022.

Edição

Seção

Artigos