Este número agrega trabalhos sobre o cotidiano, os saberes e as práticas tradicionais de grupos nem sempre considerados importantes pela historiografia. Destacam-se, nesse universo, os povos tradicionais como faxinalenses e quilombolas, mas também os indígenas e outros grupos rurais e/ou urbanos. Alguns saberes e práticas subsistem aos estatais e científicos, tais como o uso de ervas medicinais, as práticas de cura, os saberes sobre a chuva e as estações do ano, o comércio não formal, as práticas escolares, dentre outras.
Publicado: 2014-08-12

Expediente | Editorial Board | Cuerpo Editorial

Editorial | Editor's Note | Presentación

Entrevista | Interview | Entrevista

Artigos | Articles | Artículos