O Pós-Abolição em Mato Grosso

Representações Sociais da população negra na Imprensa Cuiabana (1879-1912)

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5935/2177-6644.20220017

Resumo

A partir das repercussões veiculadas pela imprensa cuiabana sobre a população negra, este estudo visa investigar como os jornais da baixada cuiabana na época da abolição representavam a vida cotidiana dos negros e negras, suas lutas, seus modos de vida, especificamente, por meio dos jornais A província de Mato Grosso e O Matto-Grosso. Como os negros eram identificados, a que temas eram associados nesses jornais que circulavam na baixada cuiabana? O objetivo da pesquisa, portanto, é analisar as representações sociais construídas e difundidas sobre negros e negras nesses jornais cuiabanos entre os anos de 1879 a 1912. Para isso, em termos metodológicos, será adotada a análise de conteúdo na investigação dos jornais, a partir dos acervos digitalizados e disponibilizados na Biblioteca Nacional Digital. Esta pesquisa pode ajudar a compreender em que medida aspectos da cultura negra eram incorporados, ou não, nos processos de representação nos jornais, o que permite observar as fronteiras simbólicas dentro das quais os sujeitos negros eram perspectivados pela imprensa durante e após o processo de abolição legal da escravatura.

Biografia do Autor

Kaique Rodrigues Vieira (UFMT), Universidade Federal de Mato Grosso - UFMT

Professor efetivo de História na Rede Estadual de Educação no Estado de Mato Grosso. Graduado em História, Universidade Federal do Espírito Santo. Pós-Graduado em Educação Especial, Faculdade de Vitória. Mestrando em História, Universidade Federal de Mato Grosso. Tem experiência na área de História, com ênfase em Transcrição Paleográfica. Atuação como tutor em curso de especialização EAD (pós-graduação LATO SENSU).

Downloads

Publicado

2022-04-29

Edição

Seção

Projetos de Pesquisa | Research's Note | Proyecto de Investigación