O candeeiro de Benjamin: ensaio por uma historiografia com outros sentidos

  • Leonardo Carneiro Ventura UFPE

Resumo

Este ensaio trata de pensar o fazer historiográfico a partir de sua relação sensível com o mundo. Parte do pensamento do filósofo Walter Benjamin para questionar a superioridade da visão sobre os demais sentidos do corpo nas maneiras de narrar o social. Busca pensar uma nova relação da escrita historiográfica com estes mesmos sentidos, entendendo o olhar como construção histórica de um dado tempo e uma dada sociedade. Por fim, traz apontamentos de uma pesquisa em andamento sobre a elaboração discursiva de uma sonoridade para a região Nordeste, articulando assim tempo, espaço e som.
Publicado
2021-01-22
Seção
Ensaios | Essays | Ensayos