ISSN -  2763-6739

Foco E Escopo

O periódico é uma publicação da Universidade Aberta da Terceira Idade (UATI), da Universidade Estadual de Ponta Grossa.

Tem como missão promover e divulgar pesquisas produzidas no campo dos estudos sobre políticas educacionais, educação permanente com destaque para estudos voltados para a educação de jovens, adultos e idosos, formação inicial e continuada de professores para atuarem nesta modalidade de ensino. Volta-se para analisar a educação formal e não formal, caracterizando os alunos, os docentes, as metodologias utilizadas no processo educacional, identificar pontos convergentes e divergentes nos Programas das UATI no Brasil e em outros países.

Propõe investigar diferentes aspectos da educação não formal, não limitando ao adulto e ao idoso como recorte etário, mas indo além como a educação e gênero, educação e sexualidade, educação de valores, educação para a paz, educação para os direitos humanos,  educação e cidadania, refletindo em diferentes espaços educativos para além dos limites da universidade, fundamentada na Pedagogia Social.  

As produções científicas devem centrar-se em sete linhas de pesquisas:

- Educação permanente, educação formal e não formal, educação inclusiva (educação e gênero, educação e sexualidade, educação de valores, educação para a paz);

- Políticas Educacionais para Jovens, adultos e idosos: aspectos históricos, políticos e processos de aprendizagem;

- Terceira idade – 60+ : diferentes aspectos (políticas públicas, trabalho, inclusão social e educacional, memórias e histórias de vida, empoderamento);

- Educação, Direito e Cidadania: educação prisional, pedagogia da alternância, educação para os direitos humanos, refletindo em diferentes espaços educativos para além dos limites da universidade, fundamentada na Pedagogia Social.

 - Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva: a linha contempla pesquisas e estudos epistemológicos, políticos e históricos referentes à Educação Especial numa nova perspectiva de atuação, qual seja, o vínculo com a constituição de espaços educacionais inclusivos. Busca analisar as implicações epistemológicas e políticas contemporâneas relacionadas às práticas educacionais, com ênfase na gestão de sistemas escolares, nos recursos de suporte pedagógico especializado, na construção, implantação e usabilidade de Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação como aspectos favorecedores e inovadores para a escolarização dos estudantes, garantindo-lhes o direito de aprendizagem e desenvolvimento nessa área de conhecimento

Inovação Tecnológica e Tecnologia Assistiva: a linha contempla pesquisas e estudos referentes à conceituação sobre Educação e Inovação tecnológica e estrutura para o desenvolvimento de educação mediada por tecnologias e suas interlocuções com a Educação Especial e Inclusiva. Busca analisar metodologias ativas de ensino e de aprendizagem baseada em uso de tecnologias digitais, redes sociais como espaços educativos, jogos digitais e a aprendizagem. Aborda ainda estudo e análise de mobilidade na sala de aula, Projetos, inclusão digital e cidadania, bem como conceituação e análise da Tecnologia Assistiva como área de conhecimento e recursos e sua aplicabilidade no contexto educacional inclusivo.

- Práticas e Processos Formativos de Educadores para Educação Inclusiva: a linha contempla pesquisas e estudos relacionados diretamente às práticas educacionais e aos processos formativos de educadores (inicial, continuada e em serviço) para atuação pedagógica na diversidade, contemplando os princípios de uma educação inclusiva. Busca analisar os processos de ensino e aprendizagem e as inovações pedagógicas para o atendimento às necessidades educacionais de qualquer ordem: biopsicossocial ou etnocultural. Os estudos se concentram nos aspectos relacionados à organização da escola para garantir a formação de educadores numa perspectiva inclusiva, a partir da análise de práticas, desenvolvimento curricular, adequações de recursos ou métodos pedagógicos e em procedimentos que possibilitem o êxito na escolarização dos estudantes.

 

Periodicidade

A Revista tem periodicidade anual em fluxo contínuo.

Adicionalmente poderão ser publicados números especiais ou dossiês temáticos contemplando temas específicos propostos por pesquisadores de instituições e de regiões do país e estrangeiras. Será composto de no mínimo 06 e máximo de 12 artigos.

 

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

A Revista não cobra taxa para submissão e/ou processamento de artigos ou para acesso ao seu conteúdo.

 

Processo Editorial

O processo de avaliação se inicia com a verificação pelo editor-chefe, quanto à formatação. Caso necessário, será enviada aos autores uma lista de pendências para ajustes necessários, no prazo de 30 dias. A postagem da versão revisada, dos manuscritos corrigidos e respectivos documentos deverá ser feita clicando no mesmo título, em submissões ativas.

Os manuscritos serão avaliados pelo editor-chefe ou pelos editores associados quanto à pertinência ao escopo da revista. 

Caso os autores não retornem o manuscrito corrigido no prazo estipulado, o processo será arquivado para evitar processos inativos em nosso banco de artigos submetidos.

 

Processo de Avaliação pelos Pares

1º Os trabalhos deverão ser submetidos, exclusivamente, por meio da página da Revista que, posteriormente, serão direcionados pelo Editor Chefe (ou pelo Editor Adjunto) a um Editor Associado que passa a ser responsável pelo andamento do artigo e deverá verificar o texto em relação à missão, visão e normas da Revista;

2º Nesta fase o artigo poderá ser reprovado ou reencaminhado aos autores para revisão e re-submissão posterior;

3º Os artigos serão avaliados pelos pareceristas com base em critérios previamente estabelecidos em formulário próprio que será disponibilizado pelo Sistema e definido conjuntamente pelos Editores Chefe e Editores Associados.

4º No parecer final, o parecerista poderá incluir informações adicionais relativas à avaliação, bem como sugestões que considerar pertinentes para a melhoria da publicação, podendo o autor acatar as sugestões ou justificar a não inclusão das mesmas. Esta decisão será avaliada pelos Editores Chefe ou por membro do Conselho Editorial designado pelo Editor Chefe;

5º Os artigos que forem aceitos para publicação pelos pares serão publicados em número subsequente das edições da Revista. 

 

Condições para submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.

  • A contribuição é original e inédita, e não está sendo avaliada para publicação por outra revista; caso contrário, deve-se justificar em "Comentários ao editor".
  • O arquivo da submissão está em formato Microsoft Word, OpenOffice ou RTF.
  • URLs para as referências foram informadas quando possível.
  • O texto está em letra Arial, espaçamento simples, com espaçamento de 6 pt antes e depois dos parágrafos; usa uma fonte de 12 pontos; emprega itálico em vez de sublinhado (exceto em endereços URL); as figuras e tabelas estão inseridas no texto, não no final do documento na forma de anexos.
  • O texto segue os padrões de estilo e requisitos bibliográficos descritos em Diretrizes para Autores, na página sobre a Revista.

 

Diretrizes para Autores: Normas para publicação na Revista

Os pesquisadores e interessados em publicar seus trabalhos na revista devem preparar os originais dos seus trabalhos conforme as orientações que se seguem, se constituindo em condição obrigatória para o recebimento dos mesmos. Os trabalhos serão encaminhados para avaliação pela equipe editorial da revista.

Neste sentido algumas observações precisam ser seguidas:

a) O artigo ou resenha deverá ser inédito no Brasil.

b) O artigo deve representar uma contribuição relevante para o campo específico de investigação, devendo apresentar referencial teórico consistente, argumentação clara e explícita e correção de linguagem. O trabalho precisa evidenciar que possui potencial e consistência suficiente para servir de referência para trabalhos de outros pesquisadores.

c) Extensão: os artigos deverão ter ser escritos na fonte Arial, no mínimo 6 páginas e no máximo 20 páginas, em espaçamento simples margens inferior e superior de 3,0 cm e margens direita e esquerda de 2,0 cm; em folha formato A4. As resenhas deverão ter entre 3 a 7 páginas, com a mesma formatação.

d) Os textos deverão ser redigidos preferencialmente em Língua Portuguesa. A revista também poderá publicar textos em outros idiomas e, nesse caso, os textos deverão ser acompanhados de um resumo em português.

e) Os artigos deverão trazer um título que corresponda com clareza à ideia geral do trabalho. O título deverá ser centralizado, negritado, tamanho 14 e com todas as letras em maiúscula. O título deve ser em português. Se o trabalho for em língua inglesa, espanhola ou francesa, o título será no respectivo idioma;

f) Resumo: máximo 350 palavras), contendo informações sobre os objetivos, procedimentos metodológicos, referenciais teóricos e resultados. O resumo deverá apresentar 3 (três) palavras-chave. O resumo deverá ser enviado em Língua Portuguesa ou no idioma do respectivo título. Deverá ter no mínimo de 3 (três) e máximo de 5 (cinco) palavras-chave; separadas por ponto e inicial maiúscula, não devendo ser usadas palavras do título.

g) Caso a pesquisa tenha apoio financeiro de alguma instituição, esta deverá ser mencionada.

h) Os trabalhos deverão ser submetidos sem identificação de autoria, via sistema de submissão online. Solicitamos aos autores que, ao submeterem o artigo ou resenha, preencham o cadastro completo (metadados)..

i) As tabelas, gráficos, fotografias devem ser nítidos.  Em todos os casos, deve haver referência aos créditos ou fontes das mesmas.

j) As notas bibliográficas deverão seguir as normas da ABNT.

l) No caso de artigos elaborados a partir de dissertações e teses, é necessário indicar, no momento da submissão, em comentários ao editor, a instituição e professor orientador.

m) O trabalho original deverá ser submetido no site da revista e os autores devem ser cadastrados no ato da submissão.

n) Todas as referências citadas no texto deverão ser apresentadas no final do texto, nas Referências, a qual deverá conter somente obras citadas, em ordem alfabética, sem numeração, segundo as normas mais recentes da ABNT (NBRs 6023 e 10520).

p) Figuras: gráficos, mapas, fotos, desenhos esquemáticos, etc, serão considerados como figuras, que deverão estar no texto. As legendas digitadas logo abaixo da figura (fonte da pesquisa) e iniciadas com denominação de Figura, devem ser seguidas do respectivo número e texto, em letras minúsculas.

q) Tabelas: as tabelas deverão ser inseridas dentro do corpo do texto, tamanho 10 e com as laterais abertas; as tabelas serão no formato "retrato" numeradas com algarismos arábicos, devem ser encabeçadas por título autoexplicativo, com letras minúsculas, não devendo ser usadas linhas verticais para separar colunas. Necessário colocar a fonte da pesquisa.

r) Os autores devem se responsabilizar pela correção ortográfica e gramatical. Recomenda-se aos autores que submetam seus textos à correção de um especialista.

s) Todos os originais serão submetidos à apreciação da Comissão Editorial que poderá aceitar, recusar ou, ainda, reapresentá-los ao(s) autor(es) com sugestões de alterações na estrutura e/ou no conteúdo do texto. Adotam-se os seguintes pareceres na avaliação do artigo:

  • ACEITO OU APROVADO: será encaminhado para publicação.
  • RECUSADO OU REJEITADO: o autor será informado quanto aos principais motivos da recusa.
  • TRABALHO CONDICIONALMENTE ACEITO: o autor deverá ser instruído quanto às modificações de forma e/ou conteúdo do artigo para correção e nova submissão ao comitê editorial

t) O autor responsável precisa se certificar de que o e-mail informado no ato da submissão esteja correto, pois o respaldo da revisão e demais informações sobre a publicação serão comunicados, obrigatoriamente, via e-mail. Assim, poderão ser evitados transtornos nas publicações, o serviço de editoração segue o que foi informado pela submissão.

u) Os artigos aceitos serão imediatamente publicados pela revista ficando disponível ao público no período de publicação online da Revista. 

v) Os originais não aprovados serão excluídos do banco de artigos.

x) Estudos envolvendo seres humanos e/ou animais devem ser acompanhados do parecer do Comitê de Ética em Pesquisa da instituição realizadora ou de outra onde fora avaliado.

                                Para facilitar, baixe e use o TEMPLATE

 

Política de Privacidade

Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.

 

Plágio e autoplágio

Em conformidade com as diretrizes do COPE (Committee on Publication Ethics) e do CNPq, que visam incentivar a identificação de plágio, más práticas, fraudes, possíveis violações de ética e abertura de processos, sugerimos que os autores acessem os website do COPE e o Relatório da Comissão de integridade de Pesquisa do CNPq, que contém informações para autores e editores sobre a ética em pesquisa.

A equipe editorial da revista pode utilizar sistema de programa de controle de plágio, antes de enviar artigos para os avaliadores.

Antes de submeter o artigo, os autores devem certificar-se de que todas as ideias de outros autores estão devidamente citadas e incluídas na lista de referências.

Com relação ao autoplágio, indicamos que o artigo deve constituir-se em contribuição original e citações de trabalhos anteriores do autor devem ser citadas, quando necessárias para a compreensão do artigo inédito no que se refere a teoria ou metodologia.