DIAGNÓSTICO DE USO DAS ÁREAS COM ATIVIDADE DE ESCALADA NO PARQUE NACIONAL DOS CAMPOS GERAIS – PR

  • Sara Ferreira Ribas
  • Jasmine Cardozo Moreira UEPG

Resumo

A prática da escalada tem destaque no Parque Nacional dos Campos Gerais (PNCG), fato justificado pela variedade de afloramentos rochosos presentes na região. Por ser uma Unidade de Conservação, a prática desta atividade deve ser planejada e regularizada para conciliar a conservação com a visitação. O Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBIO) aponta sete áreas consolidadas com Uso Público na UC e em cinco áreas foi identificada a prática de escalada. Com o objetivo de auxiliar na tomada de decisões em relação ao futuro planejamento da atividade na UC, um primeiro passo é a realização de um diagnóstico da área. Deste modo, um diagnóstico foi feito segundo o Roteiro Metodológico para Manejo dos Impactos da Visitação, do ICMBIO. Para tanto, foram realizadas pesquisas bibliográficas e saídas de campo. Para cada área identificada são apresentadas a localização, caracterização da atividade, características do ambiente e equipamentos, infraestrutura e serviços.

Biografia do Autor

Jasmine Cardozo Moreira, UEPG
Departamento de Turismo
Publicado
2019-12-19
Seção
Artigos