UTILIZAÇÃO DA ENGENHARIA REVERSA E DA MANUFATURA ADITIVA NA FABRICAÇÃO DE PEÇAS DE REPOSIÇÃO: UMA ALTERNATIVA PARA MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS MÉDICO-HOSPITALARES

Resumo

Este trabalho tem por objetivo demonstrar a aplicabilidade das técnicas de Engenharia Reversa (ER) e a Manufatura Aditiva (MA) na fabricação de peças reposição para equipamentos médico-hospitalares. Inicialmente, foi apresentada uma abordagem teórica acerca dos conceitos das tecnologias, e, em seguida, a possibilidade de correlação e justificativa da aplicação das mesmas como alternativa para manutenção de sistemas mecânicos de equipamentos médico-hospitalares que utilizem componentes plásticos passíveis de substituição. Como estudo de caso, foi realizada a substituição do adaptador magnético utilizado como suporte do conjunto descartável de circulação assistida (Bio-Pump), parte constituinte de um equipamento de circulação extracorpórea. A peça original foi digitalizada utilizando um scanner 3D para captura da nuvem de pontos e um software de ER para processamento dos dados obtidos e o modelo obtido foi trabalhado em um software de engenharia. A peça de substituição foi fabricada a partir da técnica de MA Fused Deposition Modeling - FDM, utilizando uma impressora 3D de produção em série. Análises posteriores foram feitas para avalizar a funcionalidade da peça final e o resultado obtido foi satisfatório, tendo a peça de reposição atingido o objetivo de substituir a peça original, em sua montagem no conjunto e em sua funcionalidade. Dessa forma, foi possível verificar a eficácia da utilização das tecnologias de ER e MA para o suprimento da cadeia de peças de reposição de equipamentos médico-hospitalares e comprovar a aplicabilidade prática de peças fabricadas a partir de impressão 3D
Publicado
2020-10-26
Seção
Artigos