Atividades educativas emancipadoras

  • Ivo Tonet Universidade Federal de Alagoas

Resumo

Pode a educação, na atual situação da sociedade capitalista, contribuir para a emancipação humana? O objetivo deste artigo é defender a ideia de que não é possível organizar a educação em sua forma e seus conteúdos, de modo geral, para que ela contribua para a construção de uma sociedade plenamente emancipada. Contudo, na medida em que a sociedade capitalista tem, em sua essência, uma contradição entre capital e trabalho, entendemos que é possível organizar, no interior da própria dimensão educativa, atividades que contribuam para a transformação radical do mundo e para a construção de uma forma de sociabilidade para além e superior ao capitalismo.   Palavras-chave: Emancipação humana. Educação. Atividades educativas.
Publicado
2014-04-01