Práticas educativas de professores e famílias nos processos de construção de identidade das crianças negras

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5212/PraxEduc.v.17.19451.026

Resumo

Tendo como foco as relações étnico-raciais na escola e na família, o objetivo deste estudo foi compreender como ocorrem as práticas educativas de professores e de famílias nos processos de socialização e de formação de identidades de crianças negras. Partindo de pesquisa qualitativa, fundamentada no enfoque histórico-cultural, a metodologia consistiu na análise de entrevistas individuais com professoras negras e brancas e famílias de crianças negras dos anos iniciais de educação. A análise dos dados permitiu concluir que a discriminação racial acarreta graves impactos na autoestima e no desempenho escolar de estudantes negros, criando impasses para uma identidade étnico-racial positiva. Ademais, verificou-se a importância de ações e de práticas educativas por parte das famílias e da escola, como o estabelecimento de diálogos sobre a temática étnico-racial e a busca de referências negras para a educação de crianças em fase escolar.

Palavras-chave: Família-escola. Relações étnico-raciais. Práticas educativas.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Giovanna Santos da Silva, Universidade Federal de São Paulo

Graduanda em Pedagogia pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp). Bolsista de Iniciação Científica (Pibic/CNPq) na área de Educação para as Relações étnico-raciais.

Edna Martins , Universidade Federal de São Paulo

Doutora em Educação pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP). Professora Associada do Departamento de Educação e do Programa de Pós-Graduação em Educação da (Unifesp). Desenvolve pesquisas no campo da Psicologia da Educação, Formação de professores, Práticas educativas, Família, Inclusão escolar e Relações étnico-raciais. Membro do Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros da Unifesp.

Downloads

Publicado

2022-02-16

Como Citar

SILVA, G. S. da; MARTINS , E. . Práticas educativas de professores e famílias nos processos de construção de identidade das crianças negras. Práxis Educativa, [S. l.], v. 17, p. 1–20, 2022. DOI: 10.5212/PraxEduc.v.17.19451.026. Disponível em: https://revistas2.uepg.br/index.php/praxiseducativa/article/view/19451. Acesso em: 20 maio. 2022.

Edição

Seção

Dossiê: Relações étnico-raciais: práticas e reflexões pedagógicas