As cotas raciais como um mecanismo de visibilidade e valorização social da população negra

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5212/PraxEduc.v.17.19365.036

Resumo

O artigo analisa a trajetória de alunos negros inseridos pelas cotas raciais nos cursos de Educação Superior no Instituto Federal Sul-rio-grandense (IFSul), campus Pelotas. Realizou-se uma abordagem problematizadora sobre as cotas raciais, considerando a consolidação da Lei Nº 12.711, de 29 de agosto de 2012, que estabelece ações norteadoras para as garantias do acesso e da permanência dos alunos que ingressaram pelas cotas raciais nos cursos superiores da instituição. Na pesquisa, foram entrevistados 11 estudantes matriculados no Ensino Superior que ingressaram por meio de cotas raciais, nas modalidades L2 e L4. A metodologia da pesquisa apresenta uma abordagem qualitativa, com a realização de entrevistas com perguntas abertas e a utilização da análise de conteúdo a partir de Bardin (2011) para interpretação das entrevistas. Verificou-se que os estudantes inseridos pela política de cotas raciais a entendem como uma política de inclusão, valorização e projeção social da população negra brasileira, corroborando os estudos de Almeida (2019), Charlot (2005, 2013) e Gomes (2017). Contudo, embora com as cotas, a presença de estudantes negros em sala de aula é pequena, o que indica a necessidade de outras políticas que contemplem o acesso e a permanência no Ensino Superior.

Palavras-chave: Educação Superior. Cotas raciais. Valorização social.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Nara Cristina Fernandes Almeida, Instituto Federal Sul-rio-grandense

Mestre em Educação pelo Instituto Federal Sul-rio-grandense (IFSul), campus Pelotas. Integrante do Grupo de Pesquisa História Educação e Docência (GPHEDo) da IFSul.

Adriana Duarte Leon, Instituto Federal Sul rio-grandense

Doutora em Educação pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Atualmente é professora do Instituto Federal Sul rio-grandense (IFSul), campus Pelotas. Atua junto ao Programa de Pós-Graduação em Educação, líder do Grupo de Pesquisa História Educação e Docência (GPHEDo).

Downloads

Publicado

2022-02-24

Como Citar

ALMEIDA, N. C. F.; LEON, A. D. As cotas raciais como um mecanismo de visibilidade e valorização social da população negra . Práxis Educativa, [S. l.], v. 17, p. 1–13, 2022. DOI: 10.5212/PraxEduc.v.17.19365.036. Disponível em: https://revistas2.uepg.br/index.php/praxiseducativa/article/view/19365. Acesso em: 26 jun. 2022.

Edição

Seção

Dossiê: Relações étnico-raciais: práticas e reflexões pedagógicas