Poéticas do contingente: alguns ensaios em meio à docência

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5212/PraxEduc.v.17.18509.024

Resumo

Este estudo discute um conjunto de pesquisas educacionais dedicadas particularmente à questão da docência e suas práticas afins, no intuito de explorar os modos como esses trabalhos operam a partir do encontro entre o campo das artes e o pensamento filosófico de Gilles Deleuze e Félix Guattari. Para tal, propõe-se uma aliança privilegiada com os pesquisadores David Lapoujade e Anne Sauvagnargues, os quais, ao discutirem temas acerca de anômalo, aberrante e animal no pensamento deleuzo-guattariano, viabilizam uma exploração intensiva das ideias de arte e criação implicadas. Aponta-se para os movimentos de transmutação das artes e da instauração de relações de indissociabilidade entre vida, arte e docência. Conclui-se demarcando a presença de uma vontade poética como um modo perceptivo necessário a essas pesquisas, a fim de lançar a docência ao risco da experimentação do acaso e aos devires dessa indeterminação.

Palavras-chave: Docência. Poética. Pesquisa educacional.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Cintya Regina Ribeiro, Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo

Docente-pesquisadora da Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo (FE/USP), Doutora em Educação pela FE/USP.

Downloads

Publicado

2022-02-11

Como Citar

RIBEIRO, C. R. Poéticas do contingente: alguns ensaios em meio à docência. Práxis Educativa, [S. l.], v. 17, p. 1–16, 2022. DOI: 10.5212/PraxEduc.v.17.18509.024. Disponível em: https://revistas2.uepg.br/index.php/praxiseducativa/article/view/18509. Acesso em: 20 maio. 2022.