Mito, ideologia e utopia na Política Educacional Escolar Indigenista Brasileira

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5212/PraxEduc.v.17.18352.035

Resumo

Neste artigo, fez-se uma revisão teórica dos conceitos de ideologia, utopia e mito. O objetivo foi identificar esses fenômenos culturais nos discursos que têm orientado a Política Educacional Escolar Indigenista Brasileira (PEEIB) ao longo da história e o papel desempenhado. O problema proposto foi: O que é ideologia e o que é utopia nos discursos científicos que orientam a PEEIB? Qual o lugar que o mito ocupa hoje e pode vir a ocupar nesse cenário? Com base em pesquisa bibliográfica e documental, identificaram-se dois discursos que assumiram o protagonismo na orientação da PEEIB ao longo da sua história. Concluiu-se que um é ideológico e outro é utópico, enquanto o mito precisa ser divulgado à sociedade não-indígena para que a PEEIB fomente intercâmbios culturais.

Palavras-chave: Ideologia e utopia. Mito. Política indigenista.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Kasandra Conceição Castro de Sousa, Universidade Tuiuti do Paraná

Mestranda em Educação pela Universidade Tuiuti do Paraná (UTP). Bolsista do Programa de Suporte à Pós-Graduação de Instituições de Ensino Particulares (Prosup) da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes).

Fausto dos Santos Amaral Filho, Universidade Tuiuti do Paraná

Doutorado em Filosofia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Professor e Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGED) da Universidade Tuiuti do Paraná (UTP).

Downloads

Publicado

2022-02-22

Como Citar

SOUSA, K. C. C. de; AMARAL FILHO, F. dos S. Mito, ideologia e utopia na Política Educacional Escolar Indigenista Brasileira. Práxis Educativa, [S. l.], v. 17, p. 1–15, 2022. DOI: 10.5212/PraxEduc.v.17.18352.035. Disponível em: https://revistas2.uepg.br/index.php/praxiseducativa/article/view/18352. Acesso em: 20 maio. 2022.

Edição

Seção

Dossiê: Relações étnico-raciais: práticas e reflexões pedagógicas