Escolarização de crianças e adolescentes pantaneiros em tempos de COVID-19

Resumo

Este artigo analisa as formas como educadores de escolas localizadas em regiões ribeirinhas do Pantanal Sul-mato-grossense – as Escolas das Águas – organizam-se para a manutenção da escolarização, no período da pandemia gerada pela COVID-19. Para o desenvolvimento deste trabalho, foi adotada uma perspectiva qualitativa. A coleta de dados ocorreu com levantamento e estudo de documentação local e realização de entrevistas abertas, via aplicativo WhatsApp, entre abril e junho de 2020, com gestoras e professoras dessas escolas. As análises da situação educacional foram elaboradas considerando-se o contexto amplo das políticas sociais, o que possibilitou a percepção de que populações vulneráveis podem ser mais fragilizadas em situações de exceção. Verificou-se a presença da educação, mediada pelas Escolas das Águas, como um dos únicos elos da população local com o poder público. Palavras-chave: Escola das Águas. COVID-19. Pantanal Sul-mato-grossense.
Publicado
2020-07-09
Seção
Seção Temática: Adiando o fim da escola