A integração curricular para a concretização da educação na perspectiva da formação integral em uma escola de educação profissional no Ceará

Conteúdo do artigo principal

José Fábio Vieira de Oliveira
https://orcid.org/0000-0003-1812-1479
Lucas Melgaço da Silva
https://orcid.org/0000-0003-4145-4036

Resumo

O presente artigo visa refletir sobre a relevância da integração curricular na perspectiva da formação integral em uma escola de educação profissional no estado do Ceará. Para tanto, investiga como se dá essa integração entre as bases técnica e regular, e como tem se desenvolvido, considerando a integralidade da formação dos jovens atendidos por essa modalidade de ensino. Por se tratar de um estudo de caso com viés qualitativo, utiliza entrevistas estruturadas como instrumento de pesquisa, as quais foram realizadas com 5 professores, 7 alunos, 3 coordenadores e 1 diretor escolar. A partir dos resultados da pesquisa, fica evidente o distanciamento entre a educação básica geral e a educação profissional, permanecendo essa dualidade. Percebe-se uma dificuldade de implementação de uma Educação Profissional Integrada que seja efetiva no sentido dessa articulação, para que o sujeito seja formado na sua ampla capacidade física, intelectual e tecnológica. Esse distanciamento dificulta a integração curricular e o trabalho com esses jovens na perspectiva da formação integral. Surge a necessidade de se pensar estratégias e práticas que ampliem essa integração, primordialmente, por meio do estudo dos currículos dos cursos ofertados pela instituição e das reuniões pedagógicas de integração entre os eixos profissional e regular.

Métricas

Carregando Métricas ...

Detalhes do artigo

Como Citar
OLIVEIRA, J. F. V. de; SILVA, L. M. da. A integração curricular para a concretização da educação na perspectiva da formação integral em uma escola de educação profissional no Ceará. Olhar de Professor, [S. l.], v. 25, p. 1–19, 2022. DOI: 10.5212/OlharProfr.v.25.17372.010. Disponível em: https://revistas2.uepg.br/index.php/olhardeprofessor/article/view/17372. Acesso em: 26 maio. 2022.
Seção
Experiências Pedagógicas
Biografia do Autor

José Fábio Vieira de Oliveira, Universidade Federal de Juiz de Fora - UFJF

Mestre em Gestão e Avaliação da Educação Pública pela Universidade Federal de Juiz de Fora - UFJF. Professor de Matemática da rede pública estadual do Ceará.

Lucas Melgaço da Silva, Universidade Federal do Ceará - UFC

Doutorado em Educação Brasileira pela Universidade Federal do Ceará. Professor do Centro Universitário Christus e Docente Externo da Universidade Federal do Ceará. Professor do Sistema Público de Ensino de Maracanaú.

Referências

CIAVATTA, M. O ensino integrado, a politécnica e a educação omnilateral. Por que lutamos? Trabalho & Educação, Belo Horizonte, MG, v. 23, n. 1, p. 187-205, abr. 2014. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/trabedu/article/view/9303/6679. Acesso em: 20 de janeiro de 2021.

DARCY, Ribeiro: a educação como legado. [S.l.]: Grupo Editorial Global, São Paulo, 2017. 1 vídeo (11min. e 49s). Disponível em: https://youtu.be/T1MemL_PmjI. Acesso em: 28 out. 2019.

DAYRELL, J. T. A escola “faz” as juventudes? Reflexões em torno da socialização juvenil. Educ. Soc., Campinas, SP, v. 28, n. 100, p. 1105-1128, out. 2007. Disponível em: https://doi: 10.1590 / S0101-73302007000300022. Acesso em: 2 mar. 2020.

DAYRELL, J. T. (org.). Por uma pedagogia das juventudes: experiências educativas do Observatório da Juventude da UFMG. Belo Horizonte: Mazza Edições, 2016.

DIAS, M. R. O solo educacional de um projeto e suas sementes. Escola do Herval: a teimosia da esperança. Juiz de Fora: CAEd: FADEPE, 2016. 73-85 p.

FREIRE, P. Educação como prática da liberdade. 31. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2008. 158 p.

FREIRE, P. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. 62. ed. São Paulo: Paz e Terra, 2019.

GADOTTI, M. Educação integral no Brasil: inovações em processo. São Paulo: Editora e Livraria Instituto Paulo Freire, 2009.

KRAWCZYK, N. Reflexão sobre alguns desafios do ensino médio no Brasil hoje. Cad. Pesquisa, [on-line], v. 41, n. 144, p. 752-769, 2011. Disponível em: https://doi.org/10.1590/S0100-15742011000300006. Acesso em: 20 dez. 2019.

KRAWCZYK, N. Ensino médio: empresários dão as cartas na escola pública. Educ. Soc., Campinas, SP, v. 35, n. 126, p. 21-41, 2014. Disponível em: https://doi.org/10.1590/S0101-73302014000100002. Acesso em: 20 dez. 2019.

MAINARDES, J.; CURY, C. R. J. Ética na pesquisa: princípios gerais. In: Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação. Ética e pesquisa em Educação: subsídios. Rio de Janeiro: ANPED, 2019. P. 24-29 Disponível em: https://anped.org.br/sites/default/files/images/etica_e_pesquisa_em_educacao_-_isbn_final.pdf. Acesso em: 20 jan. 2021.

RAMOS, M. N. Verbete Currículo Integrado. In: Fundação Oswaldo Cruz. Dicionário da Educação Profissional em Saúde. Rio de Janeiro: Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio, 2009. [n.p.]. Disponível em: http://www.sites.epsjv.fiocruz.br/dicionario/verbetes/curint.html. Acesso em 20 de janeiro de 2021.

RAMOS, M. N. Possibilidades e desafios na organização do currículo integrado. In: FRIGOTTO, G.; CIAVATTA, M.; RAMOS, M. (orgs.). Ensino Médio Integrado: concepções e contradições. 2. ed. São Paulo: Cortez, 2010. p. 106-127.

VERGARA, S. C. Métodos de coleta de dados no campo. São Paulo: Editora Atlas, 2009.