NOT FOR PUBLICATION, DE NADINE GORDIMER: UM ESTUDO SOBRE A TRANSCULTURAÇÃO

  • Carla Cristina Gaia dos Santos Universidade Estadual de Maringá
  • Mario Lousada de Andrade UNiversidade Estadual de Maringá
  • Alba Krishna Topan Feldman Universidade Estadual de Maringá
Palavras-chave: Apartheid, Pós-Colonialismo. Transculturação.

Resumo

Nadine Gordimer foi uma renomada escritora sul-africana cujas narrativas denunciam a deterioração social do ser humano que inundou a África do Sul durante o regime do apartheid. Por se tratar de um conturbado período desta ex-colônia britânica, as narrativas de Gordimer abrem espaço para serem amplamente analisadas sob a ótica das teorias Pós-Coloniais, em seus mais diversos enfoques. Este artigo, por sua vez, tem por objetivo refletir sobre a transculturação no conto Not for publication (1965). O termo foi cunhado por Ortiz (1940), redefinido por Rama em meados de 1970 e amplamente utilizado por autores contemporâneos para compreender o choque cultural no momento de encontro de duas culturas diferentes, uma dominada, outra dominante. Compreende-se, portanto, que relações de poder permeiam o encontro de culturas, nunca resultando em trocas culturais simétricas, muito menos passivas. As personagens de Nadine transparecem quão perturbadores e conflituosos tais processos podem ser, bem como evidenciam os problemas sociais e as divergências políticas geradas por tais impasses no contexto sul-africano.

Biografia do Autor

Carla Cristina Gaia dos Santos, Universidade Estadual de Maringá
Aluna da Pós-Graduação em Letras com ênfase em Estudos Literários da Universidade Estadual de Maringá, nível Mestrado.
Mario Lousada de Andrade, UNiversidade Estadual de Maringá
Aluno da Pós-Graduação em Letras com ênfase em Estudos Literários da Universidade Estadual de Maringá, nível Mestrado.
Alba Krishna Topan Feldman, Universidade Estadual de Maringá
Professora Doutora da Pós-Graduação em Letras com ênfase em Estudos Literários da Universidade Estadual de Maringá.
Publicado
2015-03-05