Atualidade em cordel

linguagem popular e suporte jornalístico

  • Cristina Schmidt Universidade de Mogi das Cruzes
  • Eliane Mergulhão
  • Sonia Jaconi

Resumo

Observa-se que a cultura popular, há tempos, vem sendo objeto de estudo de vários pesquisadores e atores sociais, principalmente, nesse momento de pandemia, onde a cultura popular é compreendida como criação e sociabilidade, cultura popular e vida. Para Beltrão (1980), a cultura é preexistente, passa por nossa experiência e crítica, e nos leva a construir um mundo melhor, segundo a ordem natural que a vida exige. Por isso, nosso foco será apresentar a importância da literatura de cordel, como instrumento informativo utilizado há muito tempo por várias camadas sociais e que perdura abundantemente na atualidade. Nosso estudo considera a Literatura de Cordel um forte meio de comunicação, em especial no Nordeste Brasileiro, a voz de um segmento popular, e que se configura enquanto processo de folkcomunicação e informação jornalística. O literário, em sua especificidade, de acordo com Marques de Melo (2008), tanto é entretenimento quanto o meio e o suporte de divulgação, conservação, transformação e atualização da cultura do povo. Assim foi que Gilmar de Carvalho desenvolveu seu trabalho por mais de 40 anos como professor, pesquisador e produtor cultural, a quem homenageamos; trazendo essa expressão secular e seus criadores que conservam força e alimentam permanentemente os fluxos informacionais como suporte jornalístico.

Publicado
2021-12-23
Como Citar
SCHMIDT, C.; MERGULHÃO, E.; JACONI, S. Atualidade em cordel. Revista Internacional de Folkcomunicação, v. 19, n. 43, p. 46-62, 23 dez. 2021.
Seção
HOMENAGEM A GILMAR DE CARVALHO