ATENÇÃO À SAÚDE E QUALIDADE DE VIDA DE PROFESSORES EM ENSINO REMOTO: RELATO DE EXPERIÊNCIA

Resumo

A docência está entre as profissões de maior desgaste em saúde. A transição repentina para o ensino remoto durante a COVID-19 contribuiu para o aumento desses sintomas, gerando danos à qualidade de vida e bem-estar nesta população. Diante disto, o objetivo deste estudo é relatar a experiência do projeto extensionista de Atenção à Saúde do Professor em Ensino Remoto, realizado pelo QualiMack – Programa de Qualidade de Vida e Saúde no Trabalho, do Centro de Ciências Biológicas e da Saúde da Universidade Presbiteriana Mackenzie. Foram realizados encontros remotos baseados em Educação em Saúde, que consistiram em 8 encontros para Grupos de Orientação e 12, para Atividades de Relaxamento; criação e divulgação de peças autoinstrucionais de reforço. Participaram 176 docentes da instituição sede e 113 externos. As estratégias aumentaram o repertório em saúde dos participantes e contribuíram com a capacitação e aprimoramento da equipe no trabalho multidisciplinar e interação com a comunidade.

Biografia do Autor

Susi Fernandes, Universidade Presbiteriana Mackenzie - UPM

Professora da Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM), São Paulo – SP, Brasil. Doutorado em Distúrbios do Desenvolvimento.

Ana Paula Pimentel Costa, Universidade Presbiteriana Mackenzie - UPM

Professora da Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM), São Paulo – SP, Brasil. Doutorado em Ciências Biológicas 

Camila de Meirelles Landi, Universidade Presbiteriana Mackenzie - UPM

Professora e Aluna de Doutorado da Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM), São Paulo -SP, Brasil. 

Fernanda Barrinha Fernandes, Universidade Presbiteriana Mackenzie - UPM

Professora da Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM), São Paulo – SP, Brasil. Doutorado em Ciências Biológicas.

Marcia Nacif Pinheiro, Universidade Presbiteriana Mackenzie - UPM

Professora da Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM), São Paulo – SP, Brasil. Doutorado em Saúde Pública.

Sandra Ribeiro Almeida Lopes, Universidade Presbiteriana Mackenzie - UPM

Professora da Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM), São Paulo – SP, Brasil. Doutorado em Ciências da Saúde.

Publicado
2021-11-26