CONHECIMENTO DA POPULAÇÃO DO MUNICÍPIO DE CURITIBA - PARANÁ, SOBRE ACIDENTE VASCULAR ENCEFÁLICO

  • Priscyla Stela Vieira Magalhães
  • Beatriz Essenfelder Borges Faculdades Integradas Santa Cruz de Curitiba

Resumo

O Acidente Vascular Encefálico (AVE) é uma das patologias que mais acometem a população mundial atualmente. Diante desse quadro, foram elaboradas e implementadas campanhas mundiais e nacionais com o intuito de massificar a informação de que o AVE isquêmico (AVEi) e o AVE hemorrágico (AVEh) podem ter cura. No entanto, várias pessoas ainda não têm conhecimento do que é a patologia, e tão pouco, qual atitude deve ser tomada caso ocorra. Objetivo: Por se tratar de um importante problema de saúde pública, este estudo teve o propósito principal de mensurar o conhecimento da população leiga do município de Curitiba sobre o AVE e como socorrer o paciente rapidamente. Metodologia: Foi realizado um estudo de forma quantitativa, exploratória, descritiva com formato de pesquisa de campo, utilizando-se de um questionário estruturado com perguntas inerentes ao estudo, a fim de mensurar o real conhecimento da população acerca do assunto. Resultados: Observou-se, no decurso da coleta de dados, que a população sabe identificar os sinais e sintomas, contudo, não sabe o que fazer diante das suspeitas de início do AVE, cogitando a administração de cachaça Alemã e ligações para um número de emergência americano - 911. Conclusão: Por meio da coleta de dados pôde-se verificar que as campanhas anteriores atingiram a população de forma menos abrangente do que o esperado, sendo interpretadas de forma confusa, culminando em tratamentos mais onerosos. Com base nessa amostra, novos e mais aprofundados estudos foram sugeridos como metas para as próximas campanhas. Palavras-chaves: Acidente vascular encefálico. Hemorragia intracraniana. Isquemia encefálica.
Publicado
2021-03-11