Assistência e Maternalismo: As Articulações do Departamento Estadual da Criança (DECr) na Proteção à Maternidade e a Infância no Paraná (1940) DOI: 10.5212/Rlagg.v.8.i1.0008

Michele Tupich Barbosa

Resumo


O presente trabalho tem como objetivo analisar o processo de implantação de políticas públicas de proteção à maternidade e à infância criadas pelo Departamento Nacional da Criança, e implementadas no estado do Paraná, através da criação do Departamento Estadual da Criança. Para tanto, tal instituição foi considerada a partir da noção de interação do "triângulo do bem-estar social", uma proposição analítica desenvolvida por algumas historiadoras. Para a análise, foram selecionados e analisados documentos do Arquivo Público do Paraná. A política de apoio visava o controle populacional e a ocupação do território por meio do aprofundamento da ideologia de pertencimento à Pátria e defesa da família.

Palavras-chave


Assistência; Maternalismo; Maternidade; Infância.

Texto completo:

PDF


 

Revista Latino-americana de Geografia e Gênero  - UEPG
Fone: +55 (42) - 3220 - 3046
E-mail: generogeo@gmail.com