Dinâmicas femininas e segregação socioespacial: reflexão a partir do Conjunto Habitacional Vista Bela em Londrina -PR

Viviane Margarida Melo Menezes Bernardes, Ideni Terezinha Antonello

Resumo


A pesquisa analisou mudanças nas relações socioespaciais das beneficiárias do Minha Casa, Minha Vida, refletindo o padrão segregador dos programas habitacionais nas dinâmicas femininas. A metodologia constituiu­se na pesquisa bibliográfica e na realização de trabalho de campo e entrevista com 30 mulheres residentes no conjunto Vista Bela, em Londrina/PR, entre 02/06/2017 e 9/06/2017. Os resultados apresentaram as tendências de modificações das estruturas familiares e dos papéis femininos. E constatam problemáticas da segregação e das dinâmicas femininas, abrindo possibilidades de análises destes elementos em diferentes circunstâncias, mostrando a relevância das discussões em relação à divisão sexual do trabalho e outras problemáticas de gênero na espacialidade.


Palavras-chave


Segregação, Gênero, Habitação de interesse social

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5212/Rlagg.v.10.i1.0004

 

Revista Latino-americana de Geografia e Gênero  - UEPG
Fone: +55 (42) - 3220 - 3046
E-mail: generogeo@gmail.com