L-tour, L-town? Uma viagem aos lugares lésbicos de Bruxelas

Cecilia Nessi, Marian Lens

Resumo


"Onde estão as lésbicas?" Baseado na observação de que as mulheres lésbicas são frequentemente invisíveis tanto da história quanto do espaço público, este artigo explora sua presença através da história e do espaço. Um L-tour é uma experiência pela cidade de Bruxelas, Bélgica, que permite os participantes descobrir essa capital da Europa sob diferentes olhares. Este artigo convida as leitoras a caminhar virtualmente com as autoras desde a década de 1970 à atualidade, explorando histórias oficiais e não oficiais, que fizeram e fazem as lésbicas existirem e se fazerem presentes como sujeitos históricos e políticos. 


Palavras-chave


história lésbica, Bruxelas, "herstory", visibilidade lésbica, lesbofobia, arquivos feministas

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5212/Rlagg.v.9.i2.0006

 

Revista Latino-americana de Geografia e Gênero  - UEPG
Fone: +55 (42) - 3220 - 3046
E-mail: generogeo@gmail.com