Família e Espaço Geográfico: A Especificidade da Família Lavinsky em Vitória da Conquista-BA

Benhur Pinós da Costa

Resumo


O texto discute um resultado da pesquisa 'Cidades brasileiras, espaço público e diversidades culturais: o caso das microterritorializações de expressões homoeróticas e/ou homoafetivas', desenvolvida entre 2013 e 2014, na cidade de Vitória da Conquista, BA. Desenvolve uma discussão sobre o conceito de família e suas variantes, inserindo-o na análise do estudo da sociedade e do espaço social. A pesquisa propôs estudar o cotidiano de sujeitos orientados sexualmente para o mesmo sexo em cidades médias brasileiras, representantes das macrorregiões, estabelecendo uma análise das diferenças de cotidianos entre cidades grandes, médias e pequenas quanto às características das sociabilidades homoafetivas. Organizou um conjunto de entrevistas semi-diretivas, sob o modelo de 'rodas de conversa', com sujeitos pesquisados. Analisa o tema da família em virtude do problema da 'família Lavinsky' nesta cidade, ou um grupo de adolescentes homossexuais que se identificam como família, que organizam uma convivência e construção de espacialidades singulares no cotidiano de Vitória da Conquista.

Palavras-chave


Família; Cotidiano; Sociabilidades; Espaço Social

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5212/Rlagg.v.8.i2.0015

 

Revista Latino-americana de Geografia e Gênero  - UEPG
Fone: +55 (42) - 3220 - 3046
E-mail: generogeo@gmail.com