A implementação do Programa de Alfabetização na Idade Certa no Estado do Ceará

Maria Océlia Mota, Liana de Andrade Biar, Maria Elizabete Ramos

Resumo


Resumo: Por meio de seus resultados exitosos, o Programa de Alfabetização na Idade Certa (PAIC) colocou o Ceará em evidência no cenário educacional brasileiro e ganhou destaque como expressão máxima do regime de colaboração no estado. O objetivo do PAIC é que todas as crianças sejam alfabetizadas até os oito anos de idade, e tem na formação continuada o componente essencial da profissionalização docente. Em função da complexidade de atribuições e competências nas formas de coordenação, que envolve repasse de recursos e mecanismos de indução para adesão a essas políticas, esse trabalho pretende investigar como acontece o alinhamento discursivo na implementação da política. A metodologia da pesquisa se utiliza da análise da narrativa para interpretar a percepção dos agentes que interagem na implementação do PAIC. Os resultados mostram que os diferentes níveis hierárquicos da burocracia educacional se refletem nas narrativas e permitem estabelecer um contraste entre as formas de interação dos agentes e suas respectivas percepções e margem de atuação.

 

Palavras-chave: PAIC. Colaboração. Implementação. Análise de narrativa. Alfabetização.

 

The implementation of Literay at the Right Age Program in the Ceará State

 

Abstract: Through its successful results, the Literacy Program in the adequate age (PAIC) placed Ceará in evidence in the Brazilian educational scenario, gaining prominence as the maximum expression of the collaborative system in the state. The aim of the PAIC is that all children are literate until the age of eight, and have in teacher training the essential component of teacher professionalization. Due to the complexity of attributions and competences in terms of coordination, which involves the transfer of financial resources and mechanisms of induction for adherence to these politics, this work aims to investigate how the discursive alignment occurs in its implementation. The research methodology uses narrative analysis to interpret the perception of the agents that interact in the implementation of the PAIC. The results show that the different hierarchical levels of the educational bureaucracy are reflected in the narratives and allow to establish a contrast between the agents' interaction forms and their respective perceptions and scope of action.

 

Keywords: PAIC. Collaboration. Implementation. Narrative analysis. Literacy.

 

La implementación del Programa de Alfabetización en edad adecuada en el Estado de Ceará

 

Resumen: Por medio de sus resultados exitosos, el Programa de Alfabetización en la Edad Adecuada (PAIC) colocó a Ceará en evidencia en el escenario educativo brasileño y se destacó como expresión máxima del régimen de colaboración en el estado. El objetivo del PAIC es que todos los niños sean alfabetizados a los ocho años de edad, y tienen en el formación continua el componente esencial de la profesionalización docente. En función de la complejidad de atribuciones y competencias en las formas de coordinación, que involucra la transferencia de recursos y mecanismos de inducción para la adhesión a esas políticas, este trabajo pretende investigar cómo ocurre la alineación discursiva en la implementación de la política. La metodología de la investigación se utiliza del análisis de la narrativa para interpretar la percepción de los agentes que interactúan en la implementación del PAIC. Los resultados muestran que los diferentes niveles jerárquicos de la burocracia educativa se reflejan en las narrativas y permiten establecer un contraste entre las formas de interacción de los agentes y sus respectivas percepciones y margen de actuación.

 

Palabras claves: PAIC. Colaboración. Implementación. Análisis de narrativa. Alfabetización.


Texto completo:

PDF

Referências


BAMBERG, M.; GEORGAKOPOULOU, A. Small stories as a new perspective in narrative and identity analysis. Text & Talk, v. 28, n. 3, p. 377-396, 2008. DOI: https://doi.org/10.1515/text.2008.018

BASTOS, L.; BIAR, L. Análise de narrativa e práticas de entendimento da vida social. Delta: documentação e estudos em linguística teórica e aplicada, São Paulo, v. 31, n. 4, p. 97-126, 2015. DOI: https://doi.org/10.1590/0102-445083363903760077

CAPELLA, A. C. Um estudo sobre o conceito de empreendedor de políticas públicas: ideias, interesses e mudanças. Cadernos EBAPE. BR, Rio de Janeiro, v. 14, edição especial, p. 486-505, 2016. DOI: https://doi.org/10.1590/1679-395117178

CAVALCANTE, P.; LOTTA, G. (Orgs.). Burocracia de médio escalão: perfil, trajetória e atuação. Brasília: Enap, 2015.

FONSECA. A. S. A. Programa de alfabetização na idade certa (PAIC): reflexos no planejamento e na prática escolar. 2013. 148 f. Tese (Doutorado em Educação) - Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2013.

GOMES, A. W. A. Alfabetização na idade certa: garantir a aprendizagem no início do ensino fundamental. Consultoria legislativa. Brasília: Câmara dos Deputados, 2013.

LIMA, L. L.; D'ASCENZI, L. Implementação de políticas públicas: perspectivas analíticas. Revista de sociologia e política, Curitiba, v. 21, n. 48, p. 101-110, 2013. DOI: https://doi.org/10.1590/s0104-44782013000400006

LIPSKY, M. Street-level bureaucracy: dilemmas of the individual in public service. New York: Russell Sage Foundation, 2010.

LOTTA, G. Burocracia e implementação de políticas de saúde: os agentes comunitários na Estratégia Saúde da Família. Rio de Janeiro: Editora FIOCRUZ, 2015. DOI: https://doi.org/10.7476/9788575415481

LOTTA, G.; PIRES, R.; OLIVEIRA, V. Burocratas de médio escalão: novos olhares sobre velhos atores da produção de políticas públicas. Revista do Serviço Público, Brasília, v. 65, n. 4, p. 463-492, out./dez. 2014.

MULLER, P.; SUREL, Y. A análise das políticas públicas. Tradução de Agemir Bavaresco e Alceu R. Ferraro. Pelotas: Educat, 2002. (Coleção Desenvolvimento Social 3).

OLIVEIRA, A. Burocratas da linha de frente: executores e fazedores das políticas públicas. Revista de Administração Pública, v. 46, n. 6, p. 1551-1573, nov./dez. 2012. DOI: https://doi.org/10.1590/s0034-76122012000600007

PIRES, R. Sociologia do guichê e implementação de políticas públicas. BIB, São Paulo, n. 81, p. 5-24, 2017.

SEGATTO, C. O papel dos governos estaduais nas políticas municipais de educação: uma análise dos modelos de cooperação intergovernamental. 2015. 196 f. Tese (Doutorado em Administração Pública e Governo) – Escola de Administração de Empresas, Fundação Getúlio Vargas, São Paulo, 2015.




DOI: http://dx.doi.org/10.5212/retepe.v.4.008

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Revista de Estudios Teóricos y Epistemológicos en Política Educativa

       

Resultado de imagem para relepe

_______________________________________________________________________

Revista de Estudios Teóricos y Epistemológicos en Política Educativa

ISSN 2409-3696

 

Licencia Creative Commons Esta obra está bajo una Licencia Creative Commons Atribución 4.0 Internacional.