A ESCOLA NORMAL SECUNDARIA EM MARINGÁ: UM IMPORTANTE ESPAÇO PARA FORMAÇÃO DE PROFESSORES NAS DÉCADAS DE 1950 A 1970

Léia de Cássia Fernandes Hegeto

Resumo


Este texto tem como objetivo investigar a história da formação de professores na cidade de Maringá/PR, a partir do estudo da Escola Normal Secundaria, de iniciativa pública e privada, no período delimitado entre as décadas de 50 e 70 do século XX 2. Nesse percurso procurou-se evidenciar a constituição histórica da Escola Normal Secundária, como um importante espaço para formação de professores no movimento de criação e consolidação do município de Maringá. Para tanto, adotou-se como metodologia a pesquisa bibliográfica e documental, assim como, a pesquisa qualitativa desenvolvida a partir da análise de fontes primárias e secundárias da história da educação brasileira vinculadas à formação de professores e ao Curso Normal Secundário do “Instituto de Educação” e “Colégio Santa Cruz”. Além de entrevistas semi-estruturadas com professores e ex-alunas formadas por esse curso. Pretendeu-se, com esse estudo, contribuir para o aprofundamento da temática e, sobretudo, para a história da educação do município. Nesse processo, identificou-se também as dinâmicas sociais, políticas e econômicas que produziram as leis e acabaram por determinar a organização desse curso no município de Maringá. A relevância dessa pesquisa consiste em compreender a Escola Normal como um espaço relevante para formação dos professores que criaram e atuaram na escola primária de Maringá no seu processo de gênese e consolidação.


Palavras-chave


Escola Normal Secundária; História da formação de professores; Colégio Santa Cruz; Instituto de Educação Estadual de Maringá

Texto completo:

Artigo


DOI: http://dx.doi.org/10.5212/publ.humanas.v15i2.605