AÇÃO ANTIMICROBIANA E INTERAÇÃO ENDOFÍTICA EM SYMPHYTUM OFFICINALE L (ANTIMICROBIAN ACTION AND ENDOPHYTIC INTERACTION IN SYMPHYTUM OFFICINALE L)

Marcos Pileggi, P M Raimam, S Beatriz, V Bobato

Resumo


Atualmente, as plantas medicinais vêm sendo estudadas a partir de pressupostos de interações endofíticas, as quais tem apresentado muitos benefícios, como produtores de antibióticos, metabólicos secundários de interesse farmacológico, bioindicadores de vitalidade, agentes de controle biológico de pragas e doenças entre outros. Nosso estudo foi baseado em Symphytum officinale, conhecida vulgarmente por Confrei, que apresenta propriedades terapêuticas como ação antiinflamatória, cicatrizante, antipsoríase , antiirritante , hidratante e outras. Utilizamos uma folha da planta que foi desinfestada e teve seu limbo e pecíolo cortados em pedaços pequenos e devidamente distribuídos em 10 placas de Petri contendo Ágar Sangue. Após o crescimento dos microrganismos, isolamos os mesmos em Caldo Nutriente para posterior inoculação em meio Ágar Nutriente com duas bactérias, Staphylococcus aureus e Klebsiella pneumoniae. Desta maneira, observamos a inibição do crescimento da bactéria S. aureus pelo microrganismo endofítico que por analise de lâminas verificou-se ser um fungo, demonstrando desta maneira a propriedade antimicrobiana provavelmente por parte do fungo e não pela planta.

Palavras-chave: interação endofitica; ação antimicrobiana; Symphytum officinale; Staphylococcus aureus


Texto completo:

Artigo


DOI: http://dx.doi.org/10.5212/publicatio%20uepg.v8i1.278


O CONTEÚDO DOS ARTIGOS É DE RESPONSABILIDADE EXCLUSIVA DOS AUTORES.