O Dizer de Si ao Fim da Vida: Rousseau e seus Devaneios

Everton Luiz Lovera, Caroline Tecchio

Resumo


O presente texto trabalha a questão da escrita auto referencial no último livro de Jean-Jacques Rousseau, “Os Devaneios do Caminhante Solitário” em busca da construção de uma personalidade rousseauniana. Os dez textos em que se dividem este livro cativam justamente pelo estreitamento e consonância entre sua obra com sua vida, e, portanto, caminham numa relação de justificação dialética destas. A fim de dialogar com Rousseau nesta construção de uma autoimagem foram buscados textos e autores que trabalhassem com essa perspectiva juntamente com a análise principal do livro já citado além de incisões de demais momentos da obra de Rousseau. Deste modo este estudo pretende contribuir às linhas de pesquisa da História Cultural sobre tudo da escrita de si e dos estudos tangíveis ao pensamento rousseauniano.


Palavras-chave


Rousseau; Escrita de Si; Devaneios;

Texto completo:

PDF